gestão_focada_crescimento

No mundo empresarial a competitividade faz parte do dia a dia. E as empresas que se destacam são justamente aquelas que compreendem a importância da evolução e dos resultados.

São empresas que se preocupam com o todo, o que inclui tecnologia, um time de funcionários qualificados e comprometidos, a satisfação dos clientes, entre outros fatores. E quando tudo funciona adequadamente, gera os resultados esperados, promovendo o crescimento e o sucesso do negócio.

A gestão de performance é uma tendência de mercado em todos os segmentos. Ela é composta por políticas e ferramentas que ajudam a alinhar os maiores objetivos da empresa com as metas de cada área ou setor.

Com as ferramentas disponíveis hoje no mercado, é possível avaliar processos, gestores e colaboradores de maneira concreta, individual e coletivamente. O objetivo principal da gestão de performance é desenvolver equipes cada vez mais eficientes, de alto desempenho, que ajudem a empresa a alcançar sua estratégia global.

Principais vantagens da gestão de performance

O principal objetivo da gestão de performance já foi esclarecido: desenvolver equipes focadas no resultado esperado pela empresa. Mas, durante esse processo, a melhoria do colaborador e da empresa como um todo também é buscada.

Outros benefícios estão relacionados à rapidez dos resultados, a melhora na comunicação entre gestores e colaboradores, à possibilidade de oferecer feedbacks objetivos, e ao aumento da satisfação do cliente, que reconhece as melhorias realizadas.

Aliás, a satisfação dos clientes é um dos principais focos de uma gestão de performance. Para isso são utilizadas as informações segmentadas sobre o público-alvo, e a empresa transforma isso em ações personalizadas e assertivas.

O resultado é um melhor ROI em cada ação ou investimento realizado. E, com todos esses fatores positivos, o crescimento é inevitável.

Como praticar a gestão de performance?

O primeiro passo é identificar quais são os indicadores que representam os objetivos desejados. Existem inúmeros indicadores e ainda podem ser feitas combinações que aproximam ainda mais a empresa da avaliação adequada. Diante desses indicadores centrais, é preciso determinar as áreas relacionadas e quais