Select Page

As redes sociais são presença certa em qualquer estratégia de marketing digital. Um dos motivos é que são capazes de engajar o público-alvo e de fortalecer a imagem da marca. Por outro lado, elas podem ir muito além disso, pois são um ótimo canal de vendas.

Hoje, muitas empresas sabem que vender pelo Instagram é uma alternativa bastante interessante. Afinal, é a rede social com mais engajamento dos usuários no Brasil. Além disso, é muito dinâmica e extremamente visual, o que intensifica a interação entre os usuários em tempo real.

Mas não caia na ingenuidade de que ter muitos seguidores será sinônimo de vender pelas redes sociais acima da média. É necessário ter estratégia para fazer bons negócios. Neste artigo, vou explicar isso com clareza para você. Confira!

Como vender pelo Instagram?

A resposta tem algumas variáveis que merecem a sua atenção. Para você atingir as metas em cheio, vamos apresentá-las com detalhes. Acompanhe!

Explore o potencial das imagens

Não é novidade que o sucesso das empresas tem ligação direta com a marca e com a imagem que a companhia transmite aos stakeholders.

Então é fundamental identificar, antes de qualquer coisa, qual é o conceito que a sua empresa deseja transmitir pelas redes sociais. Que sensação deseja despertar nos seus clientes?

A ideia a ser transmitida deve estar alinhada ao seu tipo de produto ou serviço. E você deve usar imagens relacionadas, que passem essa sensação de forma consistente.  

Essa é a primeira etapa para construir uma identidade visual com o seu público-alvo.

O Instagram se caracteriza pelas reações espontâneas e pelos momentos descontraídos. Então aproveite para publicar cenas do dia a dia, do funcionamento da empresa, dos produtos sendo elaborados, do making of de algum evento etc.

Até mesmo, as interações divertidas dos funcionários geram uma identidade mais humana para o seu perfil. Isso faz as pessoas se identificarem com a marca, porque os consumidores gostam de ver alegria, espontaneidade e bom humor. Já viu alguém ficar satisfeito por ter sido atendido por um vendedor carrancudo?

Mas preze sempre para imagens de qualidade. Não é porque você vai publicar uma foto de bastidor que ela pode ser escura, desfocada ou sem cuidado. Preste sempre atenção na iluminação e nos sons dos vídeos para garantir que seu público possa aproveitar o conteúdo publicado.

Não adianta publicar um momento bacana com funcionários satisfeitos por ter batido uma meta, caso não seja possível visualizá-los com facilidade no post. Um vídeo de péssima qualidade pode comprometer a sua reputação, porque passa ao consumidor a falta de cuidado e de zelo com a imagem do negócio.

Pense nisso, para não cometer esse erro, por favor! Qualquer equívoco pode arruinar a sua estratégia de vender pelas redes sociais.

Fique atento às legendas

Já ouviu falar daquele ditado popular que “uma imagem vale mais do que 1000 palavras”? Acredito que sim. Isso mostra como a imagem é essencial para divulgar a sua marca e vender pelo Instagram.

Mesmo assim, ela sozinha acaba deixando faltar informações. Por isso, a legenda tem um papel muito importante. Não basta publicar, por exemplo, a imagem de uma pizza, se não há uma referência ao restaurante onde ela é comercializada.

Use a descrição para expressar aquilo que a imagem não conseguiu transmitir, um complemento. Você pode usar até 2200 caracteres, mas tenha atenção com as palavras. Cada uma pode impactar de maneira diferente as pessoas.

Lembre-se de que você está em um perfil comercial, representando uma empresa. Tenha bom senso para não usar gírias ou expressões que causem constrangimento ao seu público-alvo. Mesmo que sua marca seja descolada, verifique a forma ideal de conversar com a sua audiência.  

Procure sempre ser simples e objetivo, sem usar palavras desnecessárias. Quanto mais clara e concisa for a sua mensagem, maiores as chances de dizer o suficiente para engajar os seguidores.

Também tenha cuidado com a seleção do conteúdo, que precisa ser relevante para os consumidores. Se você, por exemplo, tem uma empresa de intercâmbio para estudantes, não faz sentido elaborar um post sobre pontos turísticos atraentes para a turma da terceira idade.

Complemente sua legenda com as hashtags, que são palavras-chave precedidas pelo símbolo #. Elas ajudam o público a encontrar publicações relacionadas com os seus interesses. Por isso, é crucial pensar bem antes de usar qualquer hashtag.

Para escolher busque termos gerais relacionados ao seu conteúdo. Pense também em adotar as hashtags mais utilizadas e crie algumas exclusivas, com o nome da sua marca, por exemplo. É uma tática que ajuda muito a vender pelo Instagram.

Tenha consistência nas publicações

Não é preciso publicar a cada 5 minutos no Instagram. O excesso de conteúdo pode até prejudicar as vendas pelas redes sociais.  Publicar demais é uma prática desaconselhada e conhecida como flood, pois incomoda os usuários.

Por outro lado, a falta de informação no perfil não contribui para nada. Se for publicar uma vez por mês apenas, é o mesmo que estar ausente na rede social. Ou seja, você vai ficar perdendo tempo e dinheiro e não vai conseguir nenhum resultado relevante.  

O ideal é criar uma frequência de publicações eficiente, que seja possível para você criar conteúdos interessantes, sem incomodar os usuários. A quantidade ideal deverá ser encontrada por você, considerando o dia a dia e o nível das informações a serem disponibilizadas.

Também é importante considerar os melhores horários para publicação. Isso deve ser pautado pelos momentos em que a sua audiência está mais ativa nas redes sociais. É falta de bom senso publicar um post anunciando uma promoção, às 8 horas da manhã, se o público-alvo acessa o Instagram, no período das 10 às 16 horas.

Esse é mais um fator que precisa ser descoberto por você, pois é diferente dependendo do público. Mas essa informação pode ser verificada nos dados disponibilizados pela plataforma nos perfis comerciais.

Como aumentar seus seguidores?

É mais uma pergunta com algumas variáveis interessantes. Para atingir esse objetivo, veja algumas dicas valiosas. Aproveite!

Peça apoio e tenha paciência

O início de um perfil é sempre difícil. Demora um tempo até que suas publicações comecem a ser visualizadas pelos usuários.

Então, para começar, peça que seus amigos e funcionários sigam o perfil da sua marca. Isso dará credibilidade inicial para o negócio.

Em seguida use as hashtags. Faça buscas relacionadas e siga as pessoas que publicam com essas marcações. Uma boa ideia também é seguir os fãs dos seus concorrentes no Instagram.

Sugira também o seu perfil para os seus clientes, logo após a compra, convidando-os a acompanhar as novidades da empresa. É uma estratégia para fidelizar e vender pelas redes sociais com mais frequência.  

Incentive que seus seguidores salvem as publicações

Esse é um recurso ainda pouco utilizado, mas que conta bastante para o engajamento e relevância da página. Ele permite que o usuário crie um arquivo pessoal de publicações interessantes.

Essa é uma das maneiras que o algoritmo do Instagram tem de perceber que as pessoas gostaram do conteúdo e de aumentar a sua amostragem nos feeds dos seguidores.

Essas são apenas algumas dicas para vender pelo Instagram. O importante é criar uma conexão com seu público-alvo e incentivar o envolvimento dele com a sua marca. 

Se você gostou deste post ou tem alguma dúvida sobre o conteúdo apresentado, deixe o seu comentário. A sua contribuição é muito importante para nós!